Arquivo da tag: Paralisação dos Médicos Residentes

NOTA DA ANMR SOBRE REUNIÕES EM BRASÍLIA EM 16/12/2015

Em 16/12/2015, em Brasília, a ANMR apresentou formalmente o Movimento Nacional de Valorização da Residência Médica na Comissão de Educação da Câmara dos Deputados do Brasil, comissão essa equivalente ao Ministério da Educação dentro do poder legislativo, gerando forte apoio entre os deputados comprometidos com a pauta da Educação no país.

Houve nova reunião da ANMR com a Secretaria de Educação Superior do Ministério da Educação (MEC), com a participação do seu Secretário Executivo Jesualdo Farias, moderada pelo Presidente da Comissão de Educação da Câmara dos Deputados Deputado Saraiva Felipe (que foi Ministro da Saúde à época da última paralisação dos médicos residentes). Nessa reunião, o MEC se colocou favorável à negociar e afirmou que até a próxima segunda (21/12/2015) responderá as propostas das nossas reivindicações de 2/12/2015.

A ANMR também participou da Sessão Plenária da Câmara dos Deputados que debateu o assunto microcefalia com a presença do Excelentíssimo Ministro da Saúde, Dr. Marcelo Castro, que por intermédio do Deputado Luiz Henrique Mandetta e Deputado Hiran Gonçalves, após a sessão recebeu a ANMR pela primeira vez para discutir o movimento dos médicos residentes.

 

Às 19h participamos de uma audiência com o Ministro da Saúde, de maneira mais reservada por intermédio da Deputada Jandira Feghali, para tratar sobre a situação da saúde no Rio de Janeiro. Participaram da reunião membros do CFM, CREMERJ, Sindicato dos Médicos do Rio de Janeiro e FENAM. A ANMR novamente expôs o movimento dos residentes, conseguindo nova reunião com o Ministro da Saúde amanhã as 09h para buscar maior interlocução com o MEC, no intuito de avançar a negociação do movimento nacional dos residentes, com possibilidade de agenda direta com o Ministro da Educação. É importante frisar que, nessa reunião, o Exmo. Ministro da Saúde se mostrou bem favorável a nossa causa.

 

Lembramos a todos que nosso movimento é independente, suprapartidário, e por meio de articulações políticas em diversas instâncias, estamos lutando diariamente por um SUS digno para a população e por uma residência médica de qualidade.

 

Seguiremos em frente, sempre juntos!

 

São Paulo, 16 de dezembro de 2015.

Associação Nacional dos Médicos Residentes – ANMR – Gestão 2015

 

COMUNICADO ANMR – PARALISAÇÃO NACIONAL – 24/09

Brasília, 24 de setembro de 2015.

A todos os Médicos Residentes do Brasil,

A Associação Nacional dos Médicos Residentes vem por meio desta carta parabenizar todos os Médicos Residentes brasileiros que participaram da paralisação nacional e, bravamente, muitas vezes sob ameaças de seus superiores, integraram os atos em prol da Residência Médica nas 27 unidades federativas do país.

Sob as mais diversas condições climáticas, desde temperaturas de até 40ºC até chuva forte, mais de 10.000 residentes protestaram nas cinco regiões do país em defesa das nove pautas do “Movimento Nacional de Valorização da Residência Médica”.

Aqueles que participaram puderam sentir a dimensão do ato e perceberam que hoje foi um marco na história da Medicina brasileira. Agradecemos também àqueles que cumpriram os atendimentos em regime de plantão para que os colegas pudessem ir à rua.

Ainda, agradecemos a todas as entidades médicas e da sociedade civil organizada que apoiaram a causa nas manifestações em todo o país de maneira tão impactante e positiva.

O dia 24 de setembro de 2015 será conhecido com o “O Dia do Basta” pois os residentes disseram claramente que não aceitarão condições indignas de trabalho e que estarão prontos inclusive para atitudes mais drásticas caso as reivindicações não seja atendidas.

Desta forma, em reunião deliberativa realizada hoje, a ANMR respeitando as deliberações da Assembleia Nacional dos Médicos Residentes de 23 de agosto de 2015, decidiu manter estado de alerta com indicativo de paralisação por tempo indeterminado caso os pontos reivindicados não sejam negociados a contento – em reunião com a Secretaria de Saúde do MEC, apenas 3 das 9 pautas reivindicadas tiveram propostas objetivas pelo governo, mas são consideradas insatisfatórias pelo movimento, que aguarda a definição da data das próximas reuniões de negociação, previstas para outubro próximo.

O momento é de manter a união de todos e garantir ainda mais o crescimento de nosso movimento para que nossa causa seja vitoriosa. Lutamos pela Residência Médica de qualidade mas acima de tudo pela Medicina, pelo SUS e pela população brasileira.

Foi um orgulho andar ao lado de vocês!

Dia do Basta!

Associação Nacional dos Médicos Residentes – Gestão 2015

#ValorizeResidenciaMedica
#ResidenciaMedica
#ANMR
#paralisacaodia24
#diadobasta

 

HOJE FOI O DIA DO BASTA PELA VALORIZAÇÃO DA RESIDÊNCIA MÉDICA!!!

HOJE É O DIA DA VALORIZAÇÃO DA RESIDÊNCIA MÉDICA!!!

O DIA DE HOJE vai ser marcado para sempre na história da residência médica no Brasil!

Lutaremos juntos pela residência médica!

Cada instituição/cidade terá a liberdade de programar sua atividade até as 10h, como por exemplo, um abraço coletivo ao hospital, panfletagem… enfim, todo tipo de mobilização local junto à população é bem-vinda!

Às 10h00, cada residente em cada cidade deverá comparecer de jaleco branco com uma faixa preta nos braços, nos locais organizados pelas associações locais ou regionais para a mobilização unificada da cidade!

Produzam suas faixas lembrando que o movimento é 100% suprapartidário, então não serão aceitas menções de apoio ou repúdio a qualquer político específico ou partido! Não serão aceitos símbolos ou siglas que estejam alinhados a nenhum partido político.

No dia fará calor em boa parte do país! Alimentem-se e levem água!

Todo residente que sofrer qualquer tipo de retaliação, coerção, ameaça ou qualquer situação do gênero por sua participação no ato deve entrar em contato com a ANMR imediatamente para apoio jurídico!

Lembro a todos que o movimento é amparado pelo Código de Ética Médica (capítulo II – direitos dos médicos, artigo V), e deverá seguir a resolução do CFM nº 1451/1995 e Processo-consulta CFM nº 6155/2001, mantendo o efetivo mínimo de urgência e emergência de 30%!

As atividades retornam à normalidade às 07h de 25 de setembro.

Alunos de Medicina, Preceptores, Professores e Estagiários, bem como outros profissionais de saúde estão convidados e muito bem-vindos para somar ao movimento da ANMR!

Nas publicações, marquem

  • #ValorizeResidenciaMedica
  • #ResidenciaMedica
  • #ANMR
  • #paralizacaodia24 

 

Vamos unidos com toda a força nesse momento histórico! Vamos defender a residência médica! Vamos defender a Medicina! Vamos defender a Saúde do Brasil!

 

Arthur H. Danila

Presidente da ANMR

Hoje é o dia da Valorização da Residência!!
Hoje é o dia da Valorização da Residência!!!

ANMR discute Residência Médica na Audiência Pública da Subcomissão de Carreira Médica da Comissão de Seguridade Social da Câmara dos Deputados

A Associação Nacional dos Médicos Residentes (ANMR), por meio de seu Presidente Dr. Arthur Danila, participou da Audiência Pública da Subcomissão de Carreira Médica da Comissão de Seguridade Social da Câmara dos Deputados, por requerimento do Deputado Federal Luiz Henrique Mandetta (DEM/MS), para discutir os critérios de acesso à residência médica.

Em sua exposição, versou sobre abertura indiscriminada de vagas em programas de residência médica no país, tecendo uma visão crítica no tocante à qualidade da abertura dessas novas vagas, sobretudo após a promulgação da Lei dos Mais Médicos. Durante sua fala, divulgou o Movimento Nacional de Valorização da Residência Médica promovido pela ANMR.

Arthur Danila, Presidente da ANMR, divulga o Movimento pela Valorização da Residência Médica
Arthur Danila, Presidente da ANMR, divulga o Movimento pela Valorização da Residência Médica

A discussão envolveu a participação do Ministério da Educação, representado pelo Dr. Vinicius Ximenes (Diretor de Desenvolvimento da Educação em Saúde do MEC), Ministério da Saúde, representado pelo Dr. Felipe Proenço (Diretor da Secretaria de Gestão do Trabalho e Educação na Saúde – SGTES MS) e pelo Conselho Federal de Medicina (CFM), representado pelo seu Presidente, o Dr. Carlos Vital Corrêa Lima.

Ao final do evento, foi entregue aos Deputados Subcomissão de Carreira Médica da Comissão de Seguridade Social da Câmara uma proposta conjunta da ANMR, CFM e AMB, de mudanças na Lei dos Mais Médicos nº 12.871 de 2013.

Ofício CFM, AMB e ANMR entregue aos Deputados constando de uma proposta conjunta das entidades para mudanças na Lei dos Mais Médicos nº 12.871 de 2013.

A Residência Médica da Escola Paulista de Medicina -UNIFESP- paralisará suas atividades no dia 24/09

Após a promulgação da Lei dos Mais Médicos n°12.871 de 2013, a residência médica passou por transformações que comprometeram profundamente a sua qualidade.
Neste contexto foi iniciado o Movimento Nacional de Valorização da Residência Médica, e os médicos residentes da Escola Paulista de Medicina -UNIFESP- deliberaram em reunião extraordinária aderir à Paralisação Nacional no dia 24/09.

Todos os Residentes do Brasil estão juntos pela qualidade da formação Médica e por um SUS melhor para nossos pacientes.








































































Order Essay

ANMR lança Movimento Nacional de Valorização da Residência Médica no VI Fórum de Ensino Médico

O presidente da Associação Nacional dos Médicos Residentes (ANMR), Arthur Danila, representou a entidade na mesa de abertura do VI Fórum de Ensino Médico, realizado pelo Conselho Federal de Medicina (CFM) e Associação Brasileira de Educação Médica (ABEM).

Abertura do VI Fórum Nacional de Ensino Médico

 

Durante o evento, a ANMR lançou o Movimento Nacional de Valorização da Residência Médica, após deliberação da Assembleia Geral Extraordinária da entidade, realizada em 23 de agosto de 2015.

Lançamento do Movimento Nacional de Valorização da Residência Médica
Lançamento do Movimento Nacional de Valorização da Residência Médica

Entre as motivações para o movimento estão as transformações que comprometem profundamente a qualidade da residência médica após a promulgação da Lei dos Mais Médicos nº 12.871 de 2013, associadas ao desmanche político da residência médica com o corte de verbas do SUS

O cronograma nacional único a ser seguido inclui panfletagem com a população assistida por médicos residentes sobre a atual situação destes profissionais e do SUS de 08/09 a 24/09, quando a entidade promoverá a PARALISAÇÃO NACIONAL DOS MÉDICOS RESIDENTES a partir das 10h com manutenção apenas de atendimento de urgência e emergência.

Lançamento do Movimento durante o VI Fórum Nacional de Ensino Médico
Lançamento do Movimento durante o VI Fórum Nacional de Ensino Médico

As pautas e objetivos do movimento são:

1) Aumento da representação das entidades médicas na composição da CNRM e fim da câmara recursal;
2) Fiscalização imediata de todos os programas de residência do país para garantir a qualidade destes, antes da abertura de novas vagas. A fiscalização deverá ser realizada por médico de especialidade correspondente ao programa e representante dos médicos residentes;
3) Revisão completa do texto do Decreto nº 8.497 de 4 de agosto de 2015 para garantir que a Residência Médica permanece como padrão ouro de formação de especialistas;
4) Levantamento dos cortes orçamentários e suspensão destes em todos os serviços (hospitais, unidades básicas de saúde, etc.) em que atuam médicos residentes;
5) Plano de carreira e de valorização para os Médicos Preceptores, com inclusão de remuneração adequada, desenvolvimento continuado e tempo exclusivo para atividades didáticas;
6) Plano de carreira nacional para médicos do SUS com garantia de remuneração adequada, progressão de carreira, desenvolvimento profissional e educação continuada;
7) Fim imediato da carência de 10 meses para que médicos residentes possam usufruir de seus direitos junto ao INSS;
8) Cumprimento da legislação vigente sobre residência médica com a garantia do auxílio moradia;
9) Isonomia da Bolsa de Residência Médica com bolsas oferecidas por outros programas de ensino médico em serviço do Governo Federal como PROVAB e Mais Médicos. A complementação deverá ser realizada com recursos dos Ministérios da Educação e Saúde para não onerar as Secretarias Estaduais e Municipais de Saúde.

REPASSE ANMR – Reunião MEC 26/08/2015

Em 26 de agosto de 2015, a Associação Nacional dos Médicos Residentes conseguiu, nove meses após a primeira solicitação, uma audiência com o Secretário Nacional de Ensino Superior do Ministério da Educação e Cultura, Prof. Dr. Jesualdo Pereira Farias.

 

Reunião ANMR com SESU no MEC
Reunião ANMR com SESU no MEC

 

Além do próprio secretário e representantes da ANMR participaram da reunião: Dr. Florentino Cardoso, Presidente da Associação Médica Brasileira, Dr. José Antônio Romano, Diretor da Federação Nacional dos  icos, Deputado Luiz Henrique Mandetta (DEM-MS), Dr. Vinícius Ximenez (Diretor de Desenvolvimento da Educação em Saúde – MEC), Dr. Francisco Arsego (Secretário Executivo da CNRM) e Dr. Heider Aurélio Pinto (Secretário de Gestão do Trabalho e da Educação na Saúde – MS).

O encontro foi bastante breve por outro compromisso na agenda do Secretário. No entanto, a ANMR apresentou a carta oficial do “Movimento de Valorização da Residência Médica”, expôs os pleitos dos médicos residentes e informou oficialmente o governo federal sobre a paralisação nacional do dia 24 de setembro.

Diante da demandas, o secretário se comprometeu a analisar as questões expostas e agendar novo encontro antes da data da paralisação para se posicionar sobre as pautas. O Deputado Mandetta se propôs a organizar uma audiência pública no Congresso para tratar exclusivamente da situação da Residência Médica no país independente das ações do Executivo.

Dada a importância e magnitude do movimento dos médicos residentes, a ANMR esperava um encontro de maior duração e maior pró-atividade por parte do MEC. No entanto, em prol do debate manterá o canal de comunicação aberto para buscar soluções junto ao MEC para as mazelas vivenciadas diuturnamente por nossos colegas.

O encontro reforça a necessidade iminente de mobilização de todos os médicos residentes. Nossas pautas serão atendidas apenas com muito empenho de todos. O cronograma do movimento será mantido.

Juntos pela Residência Médica!

Associação Nacional dos Médicos Residentes